Juiz Internacional de Tiro Esportivo, completando agora em janeiro, 40 anos de atividade.

Minha foto

Sou uma pessoa de facil relacionamento, tenho facilidade de trabalhar em grupo, sou otimista e gosto de festas.

terça-feira, 26 de junho de 2012

I`m a International Judge in Shooting Sport

                  Eu sou Juiz Internacional de Tiro Esportivo
            I`m a International Judge in Shooting Sport


When meeting friends at social gatherings and during the conversation, if I say, I`m a shooting Sport Judge. Everyone look at me with awe and even admiration, but immediately someone asks me; - What does a shooting Judge do? -  And furthermore, thinking that being a judge must be a simple and easy activity; - Does the Judge stay looking at the shooters during the shooting and then goes and count the points on the targets? - What else is there to do? Such a very simple thoughts or knowledge about shooting sports they have.

Of course I don`t explain everything we do, it would be very boring to the layman and the time of a meeting would not be enough for me to describe everything, but in a generic way, I try to explain, that, the Judges along with the Competition Officials are responsible for a Perfect curse of the event, the safety of shooters and spectators, for compliance with the rules of shooting and, mainly, at the end, the result with the promulgation of the winners. For this to happen, hundreds of rules and regulations must be observed.

 Another question that is very constant; – Isn`t it a very dangerous sport, with so many weapons together in one place, accidents do not occur?
I always say that safety is the most important item of the regulation, the shooters are well aware that any offense that involves security is enough to disqualify anyone from the competition. The transport of weapons, its handling and the correct time to load the weapon, requires a constant obedience to the rules. Everything that involves security in shooting sport makes it one of the most safety sports.

Another important point worthy of note, in all these years of participation in many tournaments, I have always observed among hundreds of athletes and between them athletes  from warring countries, and antagonistic political enemies such as Iran, Iraq and Israel, marching side by side, Cubans and Americans  understanding each other and exchanging information about equipments, in order, all attending the same event and joining together with each other when they occupy the same podium at the end of a sporting contest. This shows that the sport is the best way to bring people together and it is possible a peaceful coexistence of friendship.

In my next subject to the Blog I will address the training process and how to become an International Shooting Judge


Quando encontro amigos em reuniões sociais, se durante a conversa, digo que sou Juiz de Tiro. Todos me olham com espanto e até com admiração, mas, logo alguém pergunta - O que é que um Juiz de tiro faz? E mais outras, achando que a rotina de Juiz deve ser uma atividade muito simples e fácil;  - O Juiz fica olhando os atiradores durante a prova e depois vai e conta os pontos no alvo? O que mais tem para fazer? Esse pensamento ou conhecimento simples que têm sobre o Tiro Esportivo

É claro que não explico tudo que fazemos, pois, seria muito maçante para o leigo e o tempo de uma reunião não seria suficiente para descrever tudo, mas, de forma genérica, eu tento explicar que os Juízes junto com os Oficiais de competição são responsáveis pelo perfeito andamentos da prova, pela segurança dos atiradores e expectadores, pelo cumprimento das regras de tiro e, principalmente, pelo resultado final com a promulgação dos vencedores. Para que isso aconteça, centenas de regras e regulamentos devem ser observadas.

Outra pergunta que é muito constante; – Não é um esporte muito perigoso, com tantas armas juntas num mesmo local, não ocorrem acidentes?  
Sempre digo que a segurança é o item mais importante do regulamento, os atiradores sabem muito bem que qualquer infração que envolve a segurança é motivo para sua eliminação da prova. O transporte das armas, o seu manuseio e o momento certo para municiar a arma, exigem uma obediência permanente às regras. Tudo isso que envolve a segurança no tiro esportivo, faz com que o Tiro seja um esporte dos mais seguros.

Outro ponto importante, digno de nota, em todos esses anos de participação em inúmeros campeonatos, tenho sempre observado dentre centenas de atletas, sejam eles de países beligerantes entre si, inimigos e antagônicos politicamente, tais como Irã, Iraque e Israel, desfilando lado a lado, cubanos e americanos se entendendo e trocando informações sobre equipamentos, em fim, todos participando de um mesmo evento e confraternizando entre si quando ocupam o mesmo Pódio no final de uma disputa esportiva. Isso mostra que o esporte é a melhor forma de aproximar os povos e é possível uma convivência de amizade pacífica.

Na minha próxima matéria abordarei o processo de formação e como chegar a ser um Juiz Internacional de Tiro Esportivo

Postar um comentário